terça-feira, 8 de setembro de 2015

Alerta: Progressiva, formol, carbocisteína e definitiva

 

PROGRESSIVA, FORMOL, CARBOCISTEÍNA E DEFINITIVA


Vamos falar sobre cabelos lisos, os favoritos da maioria das mulheres.
Para chegar nesse visual tão desejado a maioria opta por escovas progressivas, ou definitivas.
Vamos nos informar a respeito delas:

 

 Formol

Principal componente usado em escovas progressivas. 

O formol é permitido pela Anvisa em escovas com uma concentração abaixo de 0,2% nessa porcentagem ele conserva o produto usado no cabelo, porém o formol não tem capacidade de alisar o cabelo nessa concentração, ou seja todas as escovas que alisam contém muito mais que isso.

O formol forma uma película ao redor do cabelo, que o deixa brilhoso com aspecto "saudável", porém ele não fortalece ou hidrata, apenas mexe na aparência do cabelo, é uma "maquiagem" capilar, e os riscos que ele trás são extremamente perigosos.

Além de cancerígeno, pode causar alergias, problemas pulmonares, de pele, nas mucosas, e etc.



Ácido glioxílico

Esta substância vem sendo usada em fórmulas alisadoras como substituta do formol. 

É preciso ficar muito atenta, isto porque há empresas que mascaram o ingrediente omitindo a informação nos rótulos. Vale lembrar que estes produtos, com fins estéticos, não são recomendados pela Anvisa.

Ao contrário do formol, o ácido glioxílico não tem cheiro característico, mas é tão perigoso para a saúde quanto o primeiro. O processo de aplicação também exige o uso da prancha alisadora para “melhor fixação”. O problema é que com o calor parte do ácido glioxílico se transforma em formaldeído e o vapor se torna potencialmente perigoso.


Isso significa que escovas progressivas com ácido glioxílico são tão perigosas quanto aquelas à base de formol.


Escova de Carbocisteína 

Também chamada de escova sem formol. Este é outro componente que deve ser evitado. A carbocisteína é derivada do aminoácido L-Cisteína, um dos aminoácidos que compõem a queratina natural do nosso cabelo. Até aí tudo bem! A carbocisteína pode reduzir o volume do cabelo e dar brilho, mas não é capaz de alisar sozinha.

Para alcançar a promessa dos cabelos lisos é preciso incluir na fórmula também um agente oxidante. É aí que mora o perigo. Este agente é o glioxílico, citado acima. Desta forma os riscos são os mesmos da escova somente com formol.

 

Definitiva

 Escova Definitiva, Alisamento Definitivo, Escova Permanente, Escova Japonesa e Alisamento Japonês. 


Tudo isso significa a mesma coisa, mas com cinco nomes diferentes, cuja principal característica é a alteração na estrutura dos fios de cabelo, fazendo com que eles fiquem permanentemente lisos nas regiões onde o produto é passado.
Isso acontece pela ação dos principais componentes presentes nos produtos para escova definitiva, que podem ser a base de: tioglicolatos, guanidina ou hidróxidos, que são considerados químicas limpas, isto é, cujo grau de nocividade é brando, sendo seu uso em cabelos seguro e permitido pela ANVISA.
Porém essa técnica não é compatível com outras químicas, nem tintas ou descoloração, ou seja para ser 100% seguro é preciso que ele seja feito no cabelo virgem, do contrário os danos no cabelo serão severos e visíveis.

É por esse motivo que esses alisamentos menos agressivos não são mais tão usados e a progressiva ganhou popularidade no Brasil, um país onde o "jeitinho brasileiro" permite que tudo que é ilegal chegue sem ser barrado, ainda que extremamente prejudicial.
 

Outra escovas que prometem alisar:

Marroquinas, escova de chocolate, argan, e etc, são as mesmas progressivas citadas acima, se prometem alisar não é por conter argan ou outros, pois apenas isso não é suficiente para alisar seu cabelo, se alisa um desses componentes terá: formol, ácido glioxílico, parabenos, ou similares e agora você já sabe disso.

 

 

ATENÇÃO:

Escovas progressivas  não tem o poder de alisar o cabelo a não ser que contenham formol, ou derivados, que são extremamente nocivos.

Formol, ácido glioxílico ou parabenos, trazem consequências sérias na sua saúde.

Pense duas vezes antes de fazer tais procedimentos.

Tudo o que a progressiva faz é mascarar, deixar o cabelo com aspecto brilhante assim que se faz, liso e prático e com a sensação de que se ganhou tempo, porém pense melhor: a realidade está longe disso, hoje você faz e pode parecer muito satisfatório mas a consequência que te trará fazendo anos a fio não será agradável.

Especialistas confirmam que anos consecutivos realizando a química vão te trazer um cabelo sem forma, com aparência morta, e irreversível, além dos índices imensos de câncer comprovados pelo uso contínuo do produto e hoje é claro que não vai se ver isso, só no futuro a longo prazo. 

Esses componentes utilizados em tais escovas são tóxicos e altamente cancerígenos, mesmo que você não tenha reação alérgica ou problemas agora de certo terá no futuro.


   Depoimento sobre uma reação alérgica causada pelo procedimento:




 

Espero que tenham gostado de saber mais sobre o tema.

Vamos sempre pesquisar e trazer assuntos atuais aos nossos leitores.

O propósito do vídeo é puramente informativo e um alerta, vamos conhecer bem aquilo que usamos, é sempre melhor estar inteirados sobre isso e os riscos reais envolvidos.

É muito mais importante prezar pela saúde. Mas essa escolha é pessoal.

 

Até a próxima, meninas!



                                               




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

A Perda de um animal de estimação e o filme 4 vidas de um cachorro

A Perda de um animal de estimação e o filme 4 vidas de um cachorro No filme 4 vidas de um cachorro vemos a saga de um cach...