quarta-feira, 29 de agosto de 2018

A busca pela perfeição e a Ditadura da beleza



A busca pela perfeição e a Ditadura da beleza








Só o que se comenta na mídia é o caso do Dr. BumBum em que recentemente uma bancária morreu após procedimento estético no Rio.
Diante dessa que é apenas mais uma de inúmeras fatalidades similares, o Mundo de Helena vem chamar sua atenção para uma realidade de nossos dias.







É duro se viver hoje em dia numa era virtual, uma era cercada de modernidade: a era da selfie.
Eu diria mais: é duro se viver e ser mulher nessa atual era regida pela superficialidade.
Vivemos numa sociedade onde a ditadura da beleza é uma constante, e essa imposição estabelecida pela grande mídia é inatingível e vendida como algo comum; e o mais perigoso: como sendo natural impondo a  magreza, o corpo sarado, lábios carnudos, olhos expressivos, rosto fino, e uma pele e cabelos perfeitos como padrões de beleza fazendo assim com que muitas mulheres busquem se identificar, e ainda pior sejam levadas a seguir a qualquer custo, como se fosse essa a única forma "aceitável" de beleza.






Isso representa uma visão subjetiva, que pode induzir a distúrbios psicológicos graves incluindo transtornos alimentares.
Os homens não estão isentos de serem atingidos, porém o público feminino é o alvo principal da mídia, visto que a moda, as redes sociais em geral, tv, revistas, e novelas estão sempre mostrando, e exibindo a perfeição feminina, ou seja: impondo um padrão perfeito e enaltecendo uma certa "beleza padrão" como algo indispensável e obrigatório a todas as mulheres.
A mulher se torna um objeto, que além de ter obrigações na sociedade, com a família, e o trabalho,
ainda tem o fardo de ter que ser perfeita para ser desejada como mulher.
Quando uma mulher morre vítima de alguma complicação de uma cirurgia invasiva ou procedimento estético, a sociedade abismada julga e questiona o excesso, mas na hora de admirar e vender a beleza como algo indispensável estão todos cultuando esse ideal e ovacionando.
A mesma plateia que aplaude e venera um corpo perfeito é aquela que condena a mulher por buscar esse corpo perfeito.






Uma mulher que está lutando contra a balança e tentando manter uma boa dieta vê as protagonistas das séries que assiste fumando, bebendo refrigerante e sempre comendo o que querem mas são incondicionalmente belas e magras e se sente frustrada ao se comparar com a suposta forma perfeita das atrizes, cuja realidade obviamente não é a aquela da ficção para terem o corpo que exibem.
Uma adolescente insegura vê seu ideal de beleza numa cabeleira perfeita longa, claríssima e volumosa e logo descolore o próprio cabelo para seguir esse padrão, sem concluir que o cabelo que vê na tv não é necessariamente natural e obviamente não obtém o resultado desejado como também tem prejuízos. Esses são alguns dos inúmeros exemplos.






A necessidade por esse ideal perfeito cresce cada vez mais junto do culto ao corpo, e muitas "mulheres padrão" consideradas " musas fitness" da era virtual ganham cada vez mais seguidores, que em sua maioria não se questionam qual o padrão de vida das mesmas, o que elas fizeram e fazem para obter o corpo que mostram, se elas são formadas em educação física e nutrição para aconselharem sobre exercícios e alimentação, e o pior: essa procura se torna tóxica, exagerada, e prejudicial à auto estima de muitas mulheres que não possuem discernimento quanto ao que é saudável e o que é inapropriado.
É muito fácil acompanhar o feed de uma estrela supostamente "perfeita" e criar o ideal de que a vida dela é perfeita, invejável, 100% saudável, fitness e sem defeitos quando na realidade só vemos aquilo que é mostrado. Até onde o status da internet reproduz o real cotidiano?
Nada nunca será perfeito unicamente porque perfeição é algo irreal, para todas as pessoas.
No Brasil, foi fabricado um ideal de beleza jovem e escultural. Por isso, muitas mulheres acabam praticando exercícios em excesso, que associados a falta de alimentos são capazes de produzir doenças como anorexia, bulimia e vigorexia, levando a exaustão física e psicológica.
Até por meio de cirurgias estéticas a busca pelo corpo perfeito nunca tem fim, levando muitas a morte por complicações decorrentes.





Como uma mulher comum de classe média/baixa, trabalhadora, ou estudante, que batalha para sobreviver a duras penas, está tentando se sentir bem consigo mesma numa sociedade opressora que lhe deu uma auto estima lesada e a incrimina apenas por ser mulher; como essa mesma mulher vai ligar a tv a noite e se deparar com um personagem perfeito, magro, angelical, sem defeitos, produzido e montado pra ser alguém a qual ela venha se identificar?
A resposta é de forma nenhuma.
Ela não só não irá se identificar nem um pouco, como vai querer ser/ ter tudo aquilo que a personagem da sua novela possui, e que é esquematizado perfeito para despertar o seu interesse atraindo -a para consumir cada vez mais algo que lhe prometa uma imagem perfeita, mas que não é nada mais do que um produto da vez criado para lucrar.







Até que o próximo produto seja requisitado e vendido no mercado e assim o ciclo continua.
E quantas mulheres hoje ao verem tv, desfiles de moda, novelas, revistas, ou até uma rede social se sentem feias e inferiores ao se compararem com o padrão geral que é exibido todos os dias, a todo momento em tudo ao seu redor?
E quantos homens objetificam as mulheres pela mesma imposição?
Quanto a mídia se aproveita dessa insegurança para propagar uma ideia de que o segredo da felicidade está unicamente na perfeição física ?
E quantos profissionais não enriquecem alimentando isso nas pessoas que buscam cada vez mais procedimentos sem necessidade inclusive se expondo a riscos?
Deixando claro que auto estima, cuidado e vaidade é e sempre será importante para todas as pessoas, mas até onde isso deixa de ser um cuidado e começa a se tornar um problema?
O envelhecimento é um caminho inevitável e natural para todos os mortais, a beleza muda e os tempos também, e logo a moda e os padrões não serão mais os mesmos.
O quanto antes se entender que há um limite para o que se quer e o que se precisa, e que a beleza é questão de perspectiva muitas pessoas continuarão nessa busca vazia e teremos idosos com mentes de adolescentes, inseguros e infelizes com sua própria imagem.


Helena Dalillah







Você tem sua beleza porque você é você.
Não tem nada de errado nisso. E você é linda assim mesmo como é.

Não se compare.
A perfeição é um ideal ilusório.
Não se padronize. 
Seja você.







O Mundo de Helena em defesa da auto estima vem expor a ditadura da beleza, e desde já enaltecer a beleza de ser você mesmo.
Deixando claro que não somos contra a vaidade e nem o auto cuidado, mas se conscientizar quanto aos limites e as armadilhas de uma sociedade consumista é de extrema importância hoje, principalmente para que a juventude atual seja bem informada e construa uma auto imagem positiva e realista apesar do que a mídia mostra.






Seja feliz por ser você. Essa é a verdadeira beleza.





Se apaixone por sua existência. Qual o caminho para se amar verdadeiramente?
Amor próprio começa dentro da gente e na forma que nos vemos, sem vir de imposições de fora.
Bonito é ser você, buscar sua melhor versão e se aceitar como se é, e aí irão enxergar essa beleza de longe através da atitude que é o que vai ficar para sempre.


Até a próxima.



Veja tambémMídia Social não é vida real







terça-feira, 31 de julho de 2018

A Perda de um animal de estimação e o filme 4 vidas de um cachorro




A Perda de um animal de estimação e o filme 4 vidas de um cachorro








No filme 4 vidas de um cachorro vemos a saga de um cachorro nascendo e renascendo em várias encarnações, e enfrentando novos desafios, com um novo corpo, uma nova vida, um novo dono.
Uma nova chance de viver.
O filme é belíssimo, mas uma obra de ficção. Não se sabe nem se pode provar se teremos outra chance, se retornaremos, ou mesmo se nossos amados pets também retornarão para nós.
Para amar, para ensinar e aprender.








O que podemos fazer de melhor é ama-los agora, cuidar e dar o nosso melhor hoje, para eles, e pra todos que pudermos, ao invés de esperar por uma próxima oportunidade.
A vida acontece hoje.
Já abraçou seu animalzinho hoje?








A Perda de um bichinho 







A conexão que experimentamos com os animais de estimação é tão grande que não podemos imaginar a vida sem eles. Nada será como antes, porque seu amor e sua lealdade eram como um bálsamo entre os nossos problemas.
Infelizmente, o ciclo de vida destes animais de companhia é muito menor do que o nosso. Portanto, é natural que sejamos nós que venhamos a sofrer pela morte de nosso animal de estimação.







Desde o primeiro dia em que o nosso animal de estimação chega em nossa casa, ele passa a ser parte da família, um membro a mais. Todos aqueles que não têm animais domésticos não conseguem entender o amor que há em se ter essa coisa peluda que nos acompanha todos os dias de sua vida em nossa viagem pelo mundo, pela vida e pela sociedade. Por isso, lidar com a morte de seu animal de estimação não é nada fácil.






Nossa relação com os animais próximos mudou muito ao longo dos séculos, e, cada vez mais, nossos pets tornam-se parte real da família, da vida e da mais profunda intimidade – e assim, sua ausência também se intensifica, assim como a dor da perda.






Não é exagero dizer que um animal de estimação interfere diretamente na maneira como moldamos nossa vida – nossos horários, viagens, custos, a maneira de ser e funcionar de uma casa, e muito mais.
O animal se tornou parte real da família, e a confirmação também pode ser científica: quando olhamos nos olhos de um bicho, pode se reconhecer a liberação de ocitocina tanto em nós quanto no
animal, também conhecido como “o hormônio do amor” – o mesmo hormônio liberado quando pais olham para seu filho bebê.






Os animais, porém, dividem conosco nossa casa, nossa intimidade, nossas sentimentalidades.
Mais do que a afirmação de ideias, o fato é que a perda de um bicho pode ser traumática e intensa, e aceitar a existência de tal processo é o princípio para se melhor atravessa-lo – e o jeito mais empático de se lidar com a dor alheia.






Quem já perdeu um animal amado sabe.






Os animais de companhia nos oferecem seu amor, seu apoio e sua lealdade (em muitos casos, mais do que recebemos de outras pessoas).
Devido a isso, quando eles morrem, perdem-se ou são roubados, experimentamos o que os cientistas chamam de “fim de uma relação especial”.






Ele se torna o nosso amigo mais fiel, o nosso confidente e nosso consolo.
No entanto, como tudo na vida, toda felicidade tem um fim e a nossa amizade com o nosso companheiro peludo também.
Não há nada mais difícil para um dono de pet do que ter que superar a morte de seu animal.






Se seu cão ou gato morreu, você deve expressar sua tristeza e confrontar a perda. Tire o tempo que necessitar para atravessar este horrível momento.
Não reprima suas lágrimas, aceite as que vierem, e chore o necessário.
Alivie toda sua dor através do choro.






Não se deve assumir a culpa pelo ocorrido, já que essa não é a melhor maneira de encontrar alívio. Simplesmente seu animal de estimação morreu.
É melhor que você esteja tranquilo consigo mesmo e que se perdoe.
No momento de luto relembrar do seu bichinho pode não ajudar, mas acredite com o tempo todas as doces lembranças serão um consolo, e trarão alegria pelo tempo compartilhado entre você e seu pet.






Seja paciente, já que, durante as primeiras semanas, você se sentirá realmente triste. Se não tiver vontade de falar do assunto, não fale, se preferir passar o final de semana dentro de casa, faça isso. Mas leve em conta que, em algum momento, você deverá retomar a sua vida habitual.






Por último, após o luto, lembre-se de seu cão ou gato fazendo travessuras e estando feliz ao seu lado.
Tente não deixar nenhum elemento que ele utilizava próximo de você, porque isso causará mais dor. Se tratando de comida e brinquedos certamente há muitos animais sem lar que necessitam disso, doe.
Se você tiver outros bichinhos foque em dar atenção e cuidar deles, ajuda muito.
Todos os animais merecem nosso carinho e atenção de forma igual.
E espere um tempo prudencial para levar outro animal de estimação para casa.
Uma vez que você saiba que não será uma substituição, você estará preparado para dar a oportunidade para essa nova vida entrar em seu lar.







Se você perdeu um amigo de quatro patas meus sentimentos.
Só quem teve a oportunidade e o privilégio de dividir a vida com uma criatura fantástica sabe a dádiva e a alegria que é ter um companheiro bichinho com você fazendo parte de sua rotina.
Por um mundo com mais pessoas altruístas, amantes e protetoras dos animais e da natureza.
Aos amigos de quatro patas que se foram nosso eterno agradecimento, saudades e amor.
Vocês viraram uma estrela mas estarão para sempre em nossos corações cheios de saudade e gratidão.
Vocês se vão mais cedo porque já nascem sabendo amar pura e verdadeiramente, coisa que levamos a vida toda a aprender.
É duro, seria mesmo muito mais fácil se de fato fosse real o filme 4 vidas de um cão.
Viver com essa esperança seria um alento e um imenso consolo de que poderíamos, talvez, ter uma chance de reencontrar nosso amado amigo outra vez.
No mais a realidade da perda é algo indescritível.
Queridos animais, obrigado por compartilharem dessa evolução conosco.
Até a próxima.
Se houver.


Helena Dalillah



Se você também perdeu um amiguinho de estimação se sinta abraçado pelo Mundo de Helena, somos solidários com sua dor pois sabemos o que você está sentindo.







O Mundo de Helena dedica esse post a Lex nosso companheiro fiel de tantos anos.
Você fará muita falta amigo.








"De hoje em diante conto minha vida de forma diferente. A partir da noite de 21/07/18 inicio uma nova era sem você.
São quase 15 anos da minha vida que se vão junto contigo. 
É um pedaço importante de mim que se vai e que vou ter que aprender a seguir sem. 
Você me ensinou a amar sem querer nada em troca. Me ensinou que devemos perdoar todos os dias, e mesmo quando eu tava mal ou distante de tudo você me amou e não desistiu de mim. 
Você foi o cachorro mais companheiro e incrível que alguém poderia ter. RIP Lex. 
O cão mais lindo, mais bonzinho, amoroso e paciente que tive o prazer de amar. 
Vou levar nossos momentos aqui dentro. Eu jamais vou te esquecer, te amo pra sempre. 
Me perdoa por ser humana, meu maior defeito foi não ter nascido um cão. 
Dói muito, mais do que posso descrever. 
Não sei como viverei sem você. Devastada." 


Helena Dalillah

RIP LEX

21/07/2018






Respeitar os animais é um dever de todos, ama-los é um privilégio para poucos.



Veja também: Animais de estimação
                        Nossos queridos animais
                        Momentos Pets




Até a próxima.






sexta-feira, 1 de junho de 2018

Sobre a Ansiedade



Você sabe o que realmente significa ter ansiedade?







"Vai além de simplesmente se preocupar.
Ansiedade significa noites em claro, conforme você suspira e vira de um lado para o outro.
É o seu cérebro nunca sendo capaz de desligar. É a confusão de pensamentos que você tem antes da hora de dormir e todos os seus piores medos se tornam realidade em sonhos e pesadelos.
É acordar cansado mesmo que o dia só tenha começado.
Ansiedade é aprender como funcionar em privação de sono porque você só conseguiu fechar os olhos às duas da manhã.
É toda mensagem que você pensa ‘como fazer isso da forma correta?’.
É duas ou três mensagens que você manda caso tenha feito algo errado.
Ansiedade é responder mensagens de forma embaraçosamente rápida.
Ansiedade é o tempo que você gasta esperando uma resposta enquanto um cenário se monta na sua cabeça, questionando o que a outra pessoa está pensando ou se ela está brava.
Ansiedade é a mensagem não respondida que te mata por dentro, mesmo que você diga a si mesmo ‘talvez ele esteja ocupado ou irá responder depois’.

Ansiedade é a voz crítica que diz ‘talvez ele esteja só te ignorando mesmo’. É você acreditar em cada cenário negativo que você cria.
Ansiedade é esperar. Parece que você está sempre esperando.
É o conjunto de conclusões inexatas que sua mente cria, e você não tem outra escolha a não ser aceita-las.
Ansiedade é se desculpar por coisas que nem precisam ser desculpadas.
Ansiedade é duvidar de si mesmo e falta de autoconfiança.
Ansiedade é ser super atento sobre tudo e todos. Você consegue dizer se alguém mudou de humor apenas pelo tom de voz da pessoa.
Ansiedade é arruinar relacionamentos antes mesmo deles começarem. Ela te diz ‘você está enganado; essa pessoa não gosta de você e vai te deixar’.
E você acredita.
Ansiedade é um estado constante de preocupação, pânico e viver no limite.
É viver com medos irracionais.
É pensar demais, é se importar demais. Porque a raiz das pessoas ansiosas é se importar.
É ter mãos suadas e coração acelerado. Mas por fora, ninguém percebe.
Você aparenta estar calmo e sorridente, mas por dentro é o contrário.
Ansiedade é a arte da decepção por parte de pessoas que não te conhecem.
E das pessoas que te conhecem, é ouvir constantemente ‘não se preocupe’, ‘você está pensando demais’, ‘relaxe’.
É sobre seus amigos ouvirem suas conclusões e não entenderem como você chegou nelas.
Ansiedade é querer consertar algo que nem problema é.
É o amontoado de perguntas que te fazem duvidar de si mesmo. É voltar atrás para checar novamente.
Ansiedade é o desconforto de ir numa festa por pensar que todo mundo está te observando e você não é bem-vindo lá.
Ansiedade é tentar compensar e agradar demais outras pessoas.
Ansiedade é estar sempre no horário porque o pensamento de chegar atrasado te deixa em pânico.
Ansiedade é o medo de fracassar e a busca incansável por perfeição.
E então se punir quando você falha.
É sempre precisar de um roteiro e de um plano.
Ansiedade é a voz dentro da sua cabeça que diz ‘você vai falhar’.
É tentar suprir as expectativas dos outros mesmo que isso esteja te matando. Ansiedade é aceitar mais do que você consegue lidar para que você se distraia e não pense demais em outros assuntos.
Ansiedade é procrastinar, porque você está paralisado pelo medo de
fracassar.
É o gatilho que te faz ter um ataque de pânico.

É estar quebrado na sua privacidade e chorar de preocupação quando ninguém mais está vendo. É aquela voz crítica dizendo ‘você estragou tudo’ ou ‘você deveria mesmo se sentir um lixo agora’.
Mas mais que qualquer coisa, ansiedade é se importar. É nunca querer machucar alguém. É nunca querer fazer algo errado. Mais que tudo, é o desejo de simplesmente ser aceito e querido. Então você acaba tentando demais às vezes.
E quando você encontra amigos que entendem isso, eles te ajudam a superar juntos. Você percebe que essa pode ser uma batalha que você enfrente todos os dias, mas é uma que não precisa ser enfrentada sozinho."


Kirsten Corley





Ansiedade é estar sempre ligado, e nunca conseguir relaxar totalmente.
Não porque se quer ou se busca mas porque não se tem escolha.
Ela te deixa cansado, te faz parecer irracional, intensifica todas as suas emoções e você está sempre no limite tentando evitar e tentando entender o porquê.
Não há um porquê, você apenas sofre de um mal, uma condição mundial, que mesmo assim poucos conseguem aceitar.
É estar no 220 com o mundo, com os fatos, com você.
E viver esperando algo, principalmente quando se está insatisfeito no presente e se frustrar quando não se vê chegar mesmo sem saber o que.
É parar por medo de agir, e nem tentar por medo de fracassar.
É se paralisar diante de uma circunstância implacável.
É possuir a mente tão acelerada que mal se consegue pensar, e é muito mais fácil surtar.
É se cobrar em tudo que faz e dizer a coisa errada na hora errada simplesmente por não poder raciocinar.
É sempre levar a vida muito a sério porque na verdade você não conhece outra forma.
É passar por exagerado ou descortês apenas por querer esclarecer ou proteger.
É na melhor das intenções errar e errar ainda mais por querer acertar e não conseguir lidar com a dor, a culpa, e a cobrança por ter falhado.
É não saber processar provocações e se magoar profundamente por ofensas e farpas ainda que indiretamente.
É querer se afastar de todos por se sentir indigno e imperfeito e não poder conviver com os próprios erros por não suportar o inevitável julgamento das pessoas ao redor.
É exaustivo e solitário por saber que os outros não vão saber porque jamais sentirão o mesmo, pelo contrário vão te reprovar por não poderem compreender.
É por tudo isso e mais, gritar por dentro a todo instante.


Helena Dalillah












Leia mais da autora aqui


Veja também: Sobre Depressão


Você tem uma mente ansiosa?
Silencie seu barulho interno e acalme sua mente. Medite.


Saiba mais Aqui
Veja como meditar Aqui
Saiba mais sobre o que é silenciar a mente Aqui
Procura uma meditação guiada?  Clique Aqui.
Se está em crise Saiba mais como se ajudar Aqui


Não desista.
Você não está sozinho. Somos milhões.



ATÉ A PRÓXIMA.








Você ama muito tudo isso?



Quando você vai a um restaurante fast-food, sabe que não vai encontrar 
o cardápio mais saudável do mundo. 
Mas o quanto você está informado sobre o que você consome?



MCDonald's: Você ama muito tudo isso?





Algo que precisa ser dito e o porquê é melhor evitar




Viciante

O cérebro evoluiu durante um período em que a comida era escassa, portanto o corpo foi se adaptando a comer os alimentos que continham mais calorias.
Um Big Mac, por exemplo, possui cerca de 540 calorias, o qual eleva o nível de açúcar no corpo a valores anormais.
É por causa disso que o cérebro libera neurotransmissores de prazer, como a dopamina.
Neste momento, o fast food funciona de forma similar a algumas drogas como a cocaína causando vício e o prazer instantâneo ao se ingeri-lo.
Os níveis de açúcar, sódio e xarope de milho presente nesses tipos de lanche aumentam na circulação, são altamente viciantes, e fazem seu corpo querer mais e mais.
São eles os principais responsáveis pelos danos à saúde.



Salada adulterada

Tem uma salada mais gordurosa do que um hambúrguer com fritas.
O McDonald’s lançou uma salada Caesar mais gordurosa que um hambúrguer com fritas.
O Daily Mail noticiou que, “com os temperos e os croutons, a salada contém 425 calorias e 21,4g de gordura, comparada com as 253 calorias e 7,7g de gordura de um hambúrguer comum”.
Adicionando uma porção de fritas a seu hambúrguer, as calorias somam 459 –ainda assim
com menos gordura do que a salada (16,7g).
Impressionante.









Opções "saudáveis" que são nada saudáveis.

Mais recentemente, a granola (que vem junto com o iogurte) outra opção “saudável” do menu foi criticada por não ser nada boa para você.
Mark Bittman publicou no New York Times que a granola da empresa não é nada além de “junk food cara” .
Você pode fazer granola realmente saudável em casa com pouquíssimo dinheiro. Uma descrição mais acurada do que o proposto no rótulo seria ‘aveia, açúcar, frutas secas açucaradas, creme e 11 estranhos ingredientes que você nunca teria em sua cozinha’.




Marketing enganoso 

Nos Estados Unidos o McDonald's foi considerado culpado de publicidade enganadora.
No decorrer de uma das sessões o advogado procurador declarou "A comida do McDonald's não possui qualquer valor nutritivo.
A intenção e o resultado das campanhas de publicidade utilizadas pela companhia são as de enganar os clientes, ao dizer-lhes exatamente o oposto.


Usar filmes infantis e brinquedos como atrativo para incentivar crianças a consumirem o lanche é comum, mas reprovável.
McDonald’s fica sob fogo cerrado pelo uso de brinquedos do "McLanche Feliz" para atrair crianças como consumidores, e, como a empresa é o distribuidor de brinquedos número um do mundo, certamente não será a última.
(No Brasil, o Instituto Alana vem lutando para proibir o McDonald’s de distribuir brinquedos junto com o McLanche Feliz. Um projeto proibindo a associação entre brinquedos e sanduíches já foi aprovado pela Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle do 
Senado.)
A saúde das nossas crianças agradece.



Hambúrgueres que não se decompõem

Quem pode esquecer que há um par de anos uma mulher deixou sobre a mesa por seis meses um hambúrguer e fritas do McDonald’s apenas para descobrir que o lanche não se decompõe?
Houveram variados testes dessa série nos Estados Unidos, todos comprovadamente sérios.
Dia 1:





Dia 171:







Se você acha que é lenda, um pesquisador descobriu que os hambúrgueres do McDonald’s em geral de fato não se decompõem por si próprios.
A verdade é que muitos alimentos processados não se decompõem e não serão comidos por fungos.
Batatas fritas podem durar décadas e pizzas congeladas são notavelmente resistentes à decomposição.
Com as carnes da rede, o principal motivo de elas não se decomporem é pelo seu alto teor de sódio. O sal é um ótimo conservante, como os primeiros seres humanos já sabem há milhares de anos.
Os hambúrgueres de carne do McDonald's são absolutamente carregados com o sódio.
Mas isso é somente o inicio quando se sabe que há inúmeros aditivos usados para conservar o lanche.


E porque os pãezinhos não mofam? 
Essa é a parte realmente assustadora, já que o pão saudável começa a mofar dentro de poucos dias. O que poderia ter nos pães de hambúrguer do McDonald's que repelem a vida microscópica por mais de duas décadas?
Como vocês verão, a não ser que você seja um químico você provavelmente
não poderá nem mesmo ler os ingredientes em voz alta.
Aqui está o próprio site do McDonald's dizendo o que você vai encontrar em seus pães.
(Nota: Não é possível achar no site brasileiro do McDonald's a lista completa de ingredientes do pão):

Farinha enriquecida (farinha de trigo branqueada, farinha de cevada 
maltada, niacina, ferro reduzido, mononitrato de tiamina, riboflavina, 
ácido fólico, enzimas), água, xarope de milho rico em frutose, açúcar, 
fermento, óleo de soja e/ou óleo de soja parcialmente hidrogenado, 
contém 2% mais ou menos do seguinte: sal, sulfato de cálcio, carbonato de 
cálcio, glúten de trigo, sulfato de amônia, cloreto de amônia, 
condicionadores de massa (estearoil lactilato de sódio, DATEM, ácido 
ascórbico, azodicarbonamida, mono e diglicerídeos, monoglicerídeos 
etoxilados, fosfato monocálcico, enzimas , goma guar, peróxido de cálcio,
farinha de soja), lecitina de soja, propionato de cálcio e propionato 
de sódio (conservantes). 


Você deve particularmente ignorar o xarope de milho rico em frutose (causador de diabetes), óleo de soja parcialmente hidrogenado (doenças cardíacas).
E a longa lista de produtos químicos como o sulfato de amônia e de sódio proprionato.
Agora aqui é a parte verdadeiramente chocante sobre tudo isso e o porque é tao perigoso:
Porque não é comida, mas uma substância comestível rica em produtos
químicos que trazem consequências sérias e é relativamente perigosa.








Batata que não é apenas batata

Pra você que achava que a batata frita consistia em batata e sal, dextrose é um nome e tanto.
A dextrose é um tipo de açúcar.
Não é exatamente o que se espera encontrar em uma batata salgada, não é mesmo?
O açúcar é um ingrediente escondido em praticamente todas as comidas industrializadas e processadas, e aí está uma prova.










E o que acontece por ingerir tanto açúcar?

Uma das consequências você já pode imaginar:
Excesso de açúcar significa acúmulo de gordura.
Você achou que esconder o açúcar em forma de dextrose já era demais, adivinha só: esta é apenas uma das formas que o McDonald’s adiciona açúcar para dar mais sabor nos lanches.
Mas infelizmente as coisas não são tão simples assim.
Além de aumentar nosso peso, este excesso de dextrose causa picos de açúcar no nosso organismo.
E estes picos de insulina podem causar problemas de saúde, como a hipoglicemia e a hiperglicemia.
Você já se sentiu sonolento depois de comer no McDonald’s? É o seu corpo tentando processar esta quantidade enorme de açúcar que você acabou de ingerir.
Exatamente, se você já achava que batata frita não era a escolha mais saudável, imagine que no McDonald’s elas vem acompanhadas de uma porção extra de açúcar.


Doenças

Mas e se você descobrisse que alguns ingredientes servem para fazer as batatinhas serem menos tóxicas para a ingestão humana?
Sim, você leu certo. Estudos mostram que substâncias como a acrilamida são um provável carcinógeno humano.
O que os cientistas querem dizer para a população é o seguinte: se você comer alimentos que tenham este tipo substância química, você tem mais chances de ter câncer.
Se você pensava que este tipo de coisa só poderia acontecer se você fosse exposto a radioatividade ou algo do tipo, as coisas não são bem assim.
Pequenas quantidades de substâncias na sua comida podem ter consequências assustadoramente parecidas.
E você quer saber onde está essa tal acrilamida?
Se você pensou: nas batatas do McDonald’s, você acertou.
Essa substância aparece naturalmente em frituras realizadas a mais de 120°C. Frituras rápidas têm que ser feitas a uma temperatura altíssima, e as comidas dessa rede de fast-food apresentam níveis de acrilamida maiores que o normal.
Mas sabe como a maior rede de fast food do mundo consertou este “probleminha” técnico”?
Bom, eles simplesmente colocam na comida outra substância para tentar “anular” os efeitos da acrilamida.
O nome desta substância é pirofosfato ácido de sódio, outro cancerígeno.
Claro, tudo que você quer para acompanhar seu elemento químico cancerígeno é mais um outro que você nem conhece.

Sem contar que muitos produtos da rede excedem a nova recomendação da OMS (Organização Mundial de Saúde) de 25 gramas de açúcar por dia.
Pois é, um milk shake grande de chocolate tem 120 gramas de açúcar sozinho. Além disso, a maioria de seus sanduíches e wraps compõem mais da metade dos níveis diários de sódio recomendados, enquanto sua versão de batatas fritas médias são um quarto de toda a gordura que você tem
autorização saudável para consumir durante um dia.
Parece pouco? Além disso foi cientificamente comprovado que fast food é um fator contribuinte para o surgimento da depressão.


Negligência

Além de ser considerada uma má empresa pelos empregados não serem bem pagos em geral, não receberem hora extra por trabalhar em feriados já é péssimo, mas ganhar mal durante o ano todo é uma realidade para os trabalhadores do McDonald’s.
O McDonald's promove sua "comida" como sendo saudável, mas a realidade é que possui um teor de gordura demasiadamente alto, além do excesso de açúcar e sal, e baixa quantidade de fibra e vitaminas. Uma alimentação desse tipo aumenta o risco de doenças cardíacas, câncer, diabetes e
outras doenças. A "comida" do McDonald's também contém muitos aditivos químicos, alguns dos quais são causadores de saúde precária e hiperatividade nas crianças.
Não se esqueça também que a carne é a causa da maioria dos acidentes de intoxicação alimentar.
Fora isso a falta de consciência com o meio ambiente é agravante: As florestas mais bonitas do mundo estão sendo destruídas num ritmo apavorante por companhias multinacionais. O McDonald's admitiu usar carne criada em terras de ex-florestas úmidas. O uso de terras agrícolas feito pelas multinacionais e pelos seus fornecedores força as populações locais a mudarem-se para outras áreas e a cortarem ainda mais árvores, agravando o já preocupante problema do desmatamento.





Nuggets

Se olharmos para a lista de ingredientes podemos identificar alguns dos nossos conhecidos: dextrose na carne, o fosfato de sódio, a dextrose na casquinha empanada.
Sim, novamente eles.
Bom, não podemos negar que a equipe de marketing da empresa fez um bom trabalho mascarando as informações corretas de seus dados fornecidos.
Mas a lista de ingredientes não mente, e já sabemos o que esses aditivos químicos podem fazer para a nossa saúde.


MC Dia "Feliz"

Dia do BigMac: "A renda será totalmente revertida para as criancinhas vítimas de câncer."
É no mínimo irônico que a mesma empresa responsável por estimular maus hábitos alimentares em crianças, e por vender inúmeros alimentos que aumentam o risco ao câncer, faça uma campanha dessas.
E as pessoas ingenuamente acreditam que estão comendo um hambúrguer por uma boa causa.


Polêmica

O Documentário Super Size Me - A Dieta do Palhaço de 2004, escrito, produzido, dirigido e protagonizado por Morgan Spurlock, é um retrato impactante dessa realidade, em que ele mesmo se usa como cobaia, e segue uma dieta de 30 dias (fevereiro de 2003) durante os quais sobrevive em sua totalidade com a alimentação exclusivamente do McDonald´s.






O filme documenta os efeitos que tem este estilo de vida na saúde física e psicológica, explora a influência das indústrias da comida rápida e é um alerta assustador para uma realidade pouco sabida pela maioria.
Ele faturou os prêmios de Melhor Roteiro de Documentário - Writers Guild of America Awar, e o Satellite Award de Melhor Documentário do ano.
O documentário concorreu a um Oscar e gerou controvérsia em seu lançamento, não atoa, por se tratar de um tema real e não esperado pela própria rede, que após seu lançamento não retirou nenhum ingrediente potencial de risco de sua comida, e logicamente, por razões óbvias, se pronunciou contra o filme.









Assista aqui




E porque ainda se come tanto ?

Duas simples razões: Praticidade. Prazer.
E a famosa frase: "O que os olhos não vêem o coração não sente."
Ou será mais apropriado: "O que se ignora não te afeta."
Ledo engano.
O fato é alarmante e o fator crucial.
E o problema maior não é que os hambúrgueres do McDonald's não irão se decompor, mas é que as pessoas são estúpidas o suficientes para comê-los.
Mas pode ter certeza de que não irá tão cedo ver a Globo, BBC ou CNN reportarem esta matéria.
Conveniente e lucrativo.
Para eles.







Existe uma única espécie no planeta Terra que é estúpida o suficiente para pensar que um hambúrguer do McDonald's é comida.
E esta mesma espécie está sofrendo de elevadas taxas de diabetes, câncer, doenças cardíacas, demência e obesidade e não quer enxergar isso.
"É muito mais fácil culpar a azeitona da ressaca do que admitir que a ingestão de álcool exagerada é prejudicial."
O mesmo principio se aplica aqui.
Focar na realidade pode ser difícil mas libertador e com a informação pode-se evitar muitos males.
Se alega que esta espécie humana seja a mais inteligente do planeta, mas ainda assim ela se comporta de uma maneira imbecil que alimenta seus filhos de produtos químicos venenosos e de tal abomináveis produtos que não são alimentos, até porque que nem fungos irão comê-los (e fungos comem até esterco de vaca, para sua informação).







Nota
Não estamos afirmando aqui que apenas comer no Macdonald's é nocivo, mas alertando para os níveis altos de muitas substâncias prejudiciais em seu cardápio.
Que cada um analise a própria consciência do risco que é viver de industrializados, congelados e açucares, que também tem fator comprovado em causar doenças, porém esse post foca no Macdonald's que tem uma lista extensa de negativas e deveria ser de conhecimento de todos.







Se uma comida dessa rede de lanches demora tanto a se decompor já imaginou o que ela faz dentro de seu organismo?
É claro que resultados disso não serão visíveis ao se comer uma ou duas vezes mas no decorrer dos anos, quando não se propõe uma rotina alimentar saudável.
Nossos corpos não foram projetados para digerir estas substâncias.
Comida saudável é comida de verdade: sem aditivos químicos estranhos e que não dura para sempre.
É bom lembrar que o McDonald’s é só um exemplo de onde estes aditivos químicos são colocados nos alimentos.
Além desse e de alguns outros fast foods, as comidas congeladasindustrializadas no geral também contêm estas substâncias que dão mais sabor e durabilidade aos alimentos.
E estas substâncias são extremamente prejudiciais.
Nossa alimentação é nosso combustível.
Quanto mais natural ela for, melhor (e por mais tempo) nosso corpo vai funcionar e menos propenso a doenças degenerativas e obesidade.
O quanto vale a pena para você sacrificar parte de sua rotina alimentar para se manter saudável no futuro?
Não alimentamos apenas nosso corpo quando comemos todos os dias, mas todo e qualquer funcionamento do sistema do mesmo.
Você alimenta sua saúde ou sua doença?










Fontes:
Veja mais.
https://www.pragmatismopolitico.com.br/2013/01/conheca-7-motivos-para-detestar-mcdonalds.html
http://cuidadocomasuasaude.blogspot.com/2011/10/motivos-para-nao-comer-no-mcdonalds.html
http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2002/021122_macss3.shtml
https://www.vix.com/pt/bbr/1949/veja-em-5-etapas-o-que-o-mc-donalds-faz-com-seu-corpo
http://estetica.luanaperrout.com/os-ingredientes-escondidos-que-vao-fazer-voce-parar-de-comer-mcdonalds/
https://midiaindependente.org/pt/red/2003/11/268116.shtml
https://extra.globo.com/noticias/economia/mcdonalds-revela-que-usa-19-ingredientes-no-preparo-da-batata-frita-15170855.html
http://www.oarquivo.com.br/temas-polemicos/verdades-inconvenientes/843-super-size-me-a-dieta-do-palhaco-parte-1.html
http://www1.folha.uol.com.br/fsp/cotidian/ff2705200405.htm
http://www.socialistamorena.com.br/sete-razoes-para-detestar-o-mcdonalds/
https://segredosdomundo.r7.com/o-que-um-big-mac-faz-com-seu-corpo-depois-de-1-hora/
https://www.fatosdesconhecidos.com.br/o-que-acontece-se-uma-pessoa-comer-apenas-fast-food-por-um-mes/
http://www.saudenarotina.com.br/mc-donalds-deixa-satisfeito/
https://melhorcomsaude.com.br/isto-acontece-corpo-comer-um-big-mac/
https://www.bonde.com.br/cinema/lancamentos/filme-mostra-danos-provocados-pela-comida-do-mc-donalds-49674.html
http://www.hypeness.com.br/2015/02/nada-vegetarianas-mcdonalds-revela-que-ha-carne-e-outros-ingredientes-em-suas-batatas/
https://pt.blastingnews.com/saude/2015/05/comida-da-mcdonald-s-causa-danos-irreparaveis-no-intestino-00400709.html
https://altamiroborges.blogspot.com/2011/06/mcdonalds-faz-mal-saude.html
http://viajacomigo.com/comer-no-mc-donalds-da-california-pode-causar-cancer-e-agora/
http://www1.folha.uol.com.br/fsp/cotidian/ff2508200603.htm
http://www.anovaordemmundial.com/2010/10/por-que-os-sanduiches-do-mcdonalds-nao.html
https://www.vix.com/pt/bdm/corpo/o-que-acontece-com-seu-corpo-1-hora-apos-comer-um-big-mac-veja-efeitos-assustadores
https://jornalggn.com.br/noticia/a-dieta-do-palhaco-e-o-ataque-a-saude
http://metabolizandoconhecimento.blogspot.com/2014/11/fast-food-e-o-figado.html
E MAIS








Obrigado e até a Próxima.




sexta-feira, 27 de abril de 2018

MAQUIAGEM: Tendências 2018



Make: Tendências 2018




Além das roupas, as makes das modelos são um bom radar do que vem por aí na maquiagem de 2018.  As temperaturas altas do verão pedem uma maquiagem mais leve e com menos produtos e na temperatura fria com tons mais clássicos como pêssego e vermelho.
Por isso, a tendência para maquiagem de 2018 é simplificar tudo.


Iluminador

 







Iluminador estará com tudo.








Prefira os cintilantes e aposte no brilho para destacar partes coringas do rosto.







  

Blush destacado


Bochechas em foco.














O blush voltou com tudo na maquiagem verão 2018.





























A tendência anos 80 é caprichar no blush e combinar cor de blush, sombra e batom.



















Cores cítricas e terrosas

As cores usadas para sombras e esmaltes chegam mais intensas na temporada de primavera verão com destaque para os tons cítricos.






















Contrastando com as cores fortes e intensas do cítrico será tendência de maquiagem para a primavera verão 2018 também uma paleta terrosa.



















Os novos terrosos que também estarão em alta tem um toque mais feminino puxando para os rosados e pêssegos.

















Gloss
Depois do reinado absoluto do batom matte o gloss voltou com tudo.
Invista.














 








Nada mais natural que uma boca bem hidratada e glossy para acompanhar uma pele iluminada não é mesmo?


Olhos


Deixe o delineado gatinho marcado de lado, além de economizar vários minutos no seu dia você estará seguindo as tendências da maquiagem 2018.

Aquele olho marcado com o famoso cut crease, delineado e duas ou três cores de sombras esfumadas ficou para trás.


Cut Crease ficou em 2017:






Delineador de gatinho também é tendência passada:







Na maquiagem verão 2018 a aposta são as cores, e como a influência
dos anos 80 vem com tudo, as cores não serão nada básicas: coral e vermelho.






























 

Vamos arrasar em 2018.

Até a próxima meninas!

 

 


A busca pela perfeição e a Ditadura da beleza

A busca pela perfeição e a Ditadura da beleza Só o que se comenta na mídia é o caso do Dr. BumBum em que recentemente um...