quarta-feira, 4 de novembro de 2015

ARTISTA: Rocha Poema




O Mundo de Helena vem relembrar o trabalho do Artista Plástico e Poeta de Barueri, Raimundo Rocha Sousa.
Vamos conhecer um pouco mais do Artista.


RAIMUNDO ROCHA SOUSA







Raimundo Rocha Sousa, nascido a 1 de abril, Poeta, escritor, funcionário municipal, é autor de livros como "Trágicas e divinas cenas" 2009, e "Pedra sobre Pedra" de 1983, entre outros. 
É também criador do Projeto LETRADA de Barueri, atualmente inativo, e criador do projeto de exposição "Gatos de Serra".
Morador de Barueri. 






Entre seus gostos pessoais estão: ROCK, POESIA, FILOSOFIA E AMOR.








EXPOSIÇÃO GATOS DE MOUSE 






Realizada em Maio de 2011, no Ganha Tempo do município de Barueri, a exposição dos "Gatos de Mouse" e "Gatos de Serra" ficou algumas semanas aberta para visitação do público. 






GATOS DE SERRA







Publicação no Jornal de Barueri:







O Criador, junto a sua obra:











Pinturas a mostra na Exposição:








"Acho que vou amar de novo
Curtir um arco-íris no céu sem chuva
Sentir o deus Tempo transformando
Meu momento em gozo nas asas da fantasia...
Anestesiar a alma, praticar o beijo
Para que eu não sinta a força
E o peso das palavras mal ditas
Pronunciadas pela boca da vida."

Raimundo Rocha








O autor num Projeto da cidade em 2014:







"O artista consagrado; o olho da sociedade, aquele que vê a partitura da expressão harmoniosa do som destinada ao consolo da alma aflita do homem é visto pelo lâmina de um espelho; é apresentado como a figura que representa o movimento da palavra; o trabalho.
 A música cativa a alma e o coração, e ama o cantor; isto representa uma ponte feita entre a arte e a personalidade, atração inconsciente que caminha sobre os labirintos da mente..." (de Máscaras Sociais)
Raimundo Rocha.









"Um pequeno poema
Rabiscado por um poeta pequeno
Tão pequeno na poesia
Que ninguém consegue escutar
Seu cantar ilimitado.
E o pequeno poeta
Perde-se na selva do seu
Insignificante pensar..."

RAIMUNDO ROCHA








No lançamento de seu livro de Poesia dramática "Trágicas e divinas cenas" em 2009:







"A realidade
é não criada!
ficção inventada,
fruto do desejo
da ilusão do homem
de ser imortal...

chão de nada;
vida, essa coisa
incoerente que
a gente criou...
eu sou criatura
da minha psique
meio doentia...
criei também
as pessoas ao redor
que nem sempre
minha aura podem ver...
a psicose afeta;
amordaça
nossas almas inocentes.
mas, nós não estamos;
somente existe
as flores e os campos."
(Raimundo Rocha)


O Artista junto da arte:







"Nasci ao som do lápis do papel." Raimundo Rocha.








"Bancos vazios na praça
fazem esquecer guerras e conflitos;
há silencioso serenar...
construiremos museus
para depositar nossas almas modernas...
cantaremos óperas sob a sombra das luzes
em palco deslumbrante do
nosso verbo...
acalentaremos sonhos misturados a verdades
quase puras, num clima de viva paz."

Raimundo Rocha - Outono de 1986









"Sempre quis descobrir minha verdadeira identidade, mas, isso é parte de cada fragmento de história, vivido em cada momento pessoal. Alguém declarou que temos uma medida cognitiva, e os deuses mais poderosos, aqueles que realmente comandam os movimentos dos objetos existentes e não-existentes, são filhos do Senhor Tempo: Aquele que dita a leitura do genoma; aquele que determina os segundos e os closes das fotografias... Ele, o tempo é o deus trino: nascimento, vida e morte."
Raimundo Rocha do livro "Máscaras Sociais".







RAIMUNDO ROCHA

POETA DO AMOR

 

"Sou poeta! Meu nome é aprender
Minha vida
Um caminho sempre incerto e desafiador
Minha filosofia
É viver
Mesmo porque nunca se vive o mesmo dia..."

RAIMUNDO ROCHA



Arte é vida.
Vamos prestigiar os artistas contemporâneos de nossa cidade.



Contato para venda de obras: Siga R. Rocha no Facebook  Clique aqui







"Além do principal poeta da minha vida; meu mentor e imprescindível apoio quando escolhi meu caminho também no Reino das Palavras. "
Helena Dalillah




Mais do Artista: recantodasletras/autores/rochapoema






2 comentários:

  1. muito interessante.
    As palavras dos poemas são muito bem colocadas e transparecem originalidade,originalidade essa que também aparece nos traços das pinturas,parabéns por ter tal figura de inspiração e apoio Helena.
    grande abraço!

    ResponderExcluir
  2. Só por esse breve passeio por uma pequena parte da obra de Raimundo,já se pode ver um grande talento paras as artes,belos quadros e belos pensamento,verdadeiro artista.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.